05/06/2017
Recordar
Lembrar e contar o que Deus fez e faz em nossas vidas pode levar outros a conhecê-lo e também ter experiências com Ele
Redação CPIMW

A Ceia do Senhor nos lembra que Cristo veio ao mundo e morreu por nós 

"Tenham muito cuidado para que vocês nunca se esqueçam das coisas que seus olhos viram; conservem-nas por toda a sua vida na memória" (Dt 4.9b)

Tanto o Antigo como o Novo Testamento dão destaque à recordação, inclusive estabelecendo celebrações que serviriam de memoriais ao povo. Foi o caso, por exemplo, da instituição da primeira Páscoa (Êxodo 12.1-20, em especial o v. 14) e também da Ceia do Senhor (Lucas 22.19). Ambas fazem referência à lembrança do sofrimento vivido e sucedido pela libertação de uma escravidão — a primeira, de Israel aos egípcios e a segunda, do homem ao pecado (tudo que desagrada a Deus). Hoje, elas nos lembram que Cristo veio ao mundo e morreu para que tivéssemos um relacionamento com Deus por meio do perdão de nossos pecados. 

Os evangelhos, registrados na Palavra de Deus, apresentam-se como a lembrança do que Jesus disse e fez. Em seu cotidiano, o cristão vive as palavras de Jesus Cristo tanto se recordando delas como praticando-as. Por isso, são chamados de seus discípulos e seguidores. Entregaram suas vidas a Jesus e receberam a missão de transmitir a todas as pessoas a mensagem deixada por ele, mantendo viva a esperança no Senhor.

A Bíblia inteira faz alusão ao passado, é atualizada para o presente e nos mostra como será o futuro. Das histórias que foram vividas e nela estão relatadas surgiram exemplos, valores e ensinos que são considerados válidos e de grande importância para serem passados de geração a geração. Eles trazem fortalecimento e ensinam a ter uma boa postura perante a vida. Se a Palavra de Deus chegou até você foi devido ao testemunho de muitas pessoas em várias épocas. Lembrar e contar o que Deus fez e faz em nossas vidas pode levar outros a conhecê-lo e também ter experiências com ele. Cabe a cada um de nós manter este memorial vivo e cada vez mais presente em nossas vidas e em nossos relacionamentos.

Luciana Gallinari, extraído do livro “Devocional Wesleyano”

 

MAIS LIDAS

Deserto
O deserto tem um conteúdo simbólico muito grande na Bíblia


A Verdadeira Adoração
Vamos começar com uma pergunta: o que você sabe sobre adoração?


Mesa, lugar de comunhão
É tempo de restaurar os elos da comunhão


Mensagem na olaria
Deus nos molda como o vaso na mão do oleiro


Aflição
Por que Jesus nos permite passar pela tempestade?



NOVIDADES
WTV

 FACEBOOK  WTV  NEWS
Centro de Publicações da Igreja Metodista Wesleyana com sede na Avenida Venâncio, 17 - Xerém
- Duque de Caxias - RJ - CEP 25245-500 | CNPJ: 15.732.218/0001-08

© Todos os direitos reservados. 2016