29/12/2016
Mensagem na olaria
A culpa pelo nosso fracasso não é de Deus; o problema está na nossa teimosia, desobediência e perversidade.
Redação CPIMW

"Como barro nas mãos do oleiro, assim são vocês nas minhas mãos” (Jeremias 18.6b)

É interessante observar os recursos didáticos de Deus para apresentar grandes verdades. No texto bíblico para meditação de hoje encontramos Deus enviando o profeta Jeremias até uma olaria, onde haveria uma grande mensagem para ele.

Chegando lá, o profeta viu o artesão trabalhando no barro, tentando fazer um caso. Viu que o vaso de barro se estragava nas suas mãos, e como do mesmo barro ele moldava outro vaso, conforme queria. Deus aplicou então essa ilustração para mostrar ao profeta e a nós que poderia agir da mesma forma conosco.

Não sabemos por que o vaso de barro se estragou nas mãos do oleiro, mas certamente sabemos a razão dos nossos próprios fracassos – afinal, somos nós mesmos que decidimos como vamos conduzir nossa vida. De vez em quando nos metemos em apuros só por causa da nossa teimosia em querermos fazer a nossa própria vontade, e o resultado é um projeto quebrado como aquele vaso. Contudo, não é isso que Deus deseja para nós. Ele deseja sempre o nosso bem-estar, conforme deixou claro no final da leitura bíblica.

No texto lido, Deus diz que pode decretar a falência de uma nação, povo ou reino devido à sua perversidade, mas se aquela gente se converter da sua maldade, ele pode mudar de atitude e deixar de cumprir a sua sentença. Deus é soberano sobre as nações e cada um de nós, não como um déspota, mas como um rei benevolente e sensível à possibilidade do arrependimento. Seu propósito não é simplesmente descartar o que se estragou, mas aproveitar tudo aquilo para criar algo novo e bom.

Assim sendo, a culpa pelo nosso fracasso não é de Deus; o problema está na nossa teimosia, desobediência e perversidade. Portanto, é necessário permitir que Deus aplique sua bondade e misericórdia para remodelar a nossa vida como o oleiro fez com o vaso, restaurando-a.

Mário Miki, extraído do livro “Devocional Wesleyano”

 

MAIS LIDAS

Mesa, lugar de comunhão
É tempo de restaurar os elos da comunhão


A Verdadeira Adoração
Vamos começar com uma pergunta: o que você sabe sobre adoração?


Deserto
O deserto tem um conteúdo simbólico muito grande na Bíblia


Mensagem na olaria
Deus nos molda como o vaso na mão do oleiro


Aflição
Por que Jesus nos permite passar pela tempestade?



NOVIDADES
WTV

 FACEBOOK  WTV  NEWS
Centro de Publicações da Igreja Metodista Wesleyana com sede na Avenida Venâncio, 17 - Xerém
- Duque de Caxias - RJ - CEP 25245-500 | CNPJ: 15.732.218/0001-08

© Todos os direitos reservados. 2016