13/05/2018
Dia 3: Congresso Geral de Plantação de Igrejas
Importância da liderança na igreja para o crescimento saudável foi abordada por palestrantes
Redação CPIMW

Bispos participaram de um painel de perguntas e respostas sobre plantação e revitalização de igrejas (Fotos: Junior Valadares)

O penúltimo dia do Congresso Geral de Plantação e Revitalização de Igrejas colocou o tema liderança em foco ao tratar do crescimento saudável da igreja. Pela manhã, após devocional do pastor Francisco Nascimento, Bispo Roberto Amaral (6ª RE) palestrou sobre “A importância da liderança para o crescimento da igreja”. 

Em sua oportunidade, o Bispo ressaltou que “Plantar igrejas é uma experiência recompensadora. Mas ninguém pode dizer ‘eu plantei’, e sim ‘nós plantamos’. Ninguém faz a obra de Deus sozinho”. Ele ainda exortou todos a valorizarem as gerações passadas, pois é graças ao esforço deles que hoje estamos aqui.

Na sequência, os Bispos Joedir de Carvalho, Luís Hammes, Anderson Caleb, Jamir Carvalho, Sinvaldo Coelho e Oseias de Queiroz subiram ao púlpito para um painel de perguntas e respostas sobre o tema do congresso. Entre outros pontos, eles esclareceram questões sobre evangelismo em grandes metrópoles, como São Paulo, como falar às diferentes gerações na igreja e o que esperam das próximas gerações de pastores.

A segunda parte do dia começou com um estudo sobre o impacto dos pequenos grupos no crescimento da igreja, e coube ao pastor Gilberto Geraldo, líder geral de GCEU na IMW, a ministração da plenária. Nas palavras do pastor, “A Igreja que fará parte da grande colheita está organizada em pequenos grupos. Eles são estratégia de Deus movendo sua igreja para esta última colheita.”

Pastor Josenildo Pereira, por sua vez, destacou em sua oportunidade a importância da oração para o crescimento da igreja. Baseado no texto de Atos 13.1-3, ele afirmou que  “A igreja não tem como vencer seus desafios e obstáculos sem uma vida de oração. Ela é um meio de relacionamento com Deus, e da mesma forma que é um meio de relacionamento, é de inspiração e fortalecimento da igreja.”

Coube ao Bispo Sinvaldo Coelho a plenária da noite, e o superintendente regional da 3ª RE falou de forma enfática sobre “Pregação poderosa para o crescimento da igreja”: “A pregação poderosa para o crescimento da igreja, em primeiro lugar, é cristocêntrica em sua essência. Pregação que deseja ser poderosa precisa falar da vida de Cristo, da morte de Cristo, da cruz do calvário, mesmo que comece nos livros históricos. De alguma forma tem de fazer um elo para levar a cristo, porque todos os livros da Bíblia apontam para Cristo.”

O I Congresso Geral de Plantação e Revitalização de Igrejas termina neste domingo (13).

 

MAIS LIDAS

Jubileu de Ouro: orientações para o evento
Evento acontece em 30 de abril no Rio


Igreja Metodista Wesleyana celebra 50 anos
Igreja foi fundada em 1967 em Nova Friburgo


Filme "Para Sempre" estreia em dezembro
Longa é aposta após sucesso "O Quarto de Guerra"


Filme sobre soldado cristão é ovacionado
Longa foi exibido no Festival de Veneza


Orientações para celebração do Jubileu de Ouro
Faltam 52 dias para a comemoração dos 50 anos



NOVIDADES
WTV

 FACEBOOK  WTV  NEWS
Centro de Publicações da Igreja Metodista Wesleyana com sede na Avenida Venâncio, 17 - Xerém
- Duque de Caxias - RJ - CEP 25245-500 | CNPJ: 15.732.218/0001-08

© Todos os direitos reservados. 2016