13/10/2016
A essência do servo
Estamos em um tempo em que o Eu predomina

https://verdadecrista.files.wordpress.com/2014/10/servir.jpg

Filipenses 2.5-11

A arte de servir é praticada por poucos e dominada por pouquíssimos, declara Charles Swindoll. Refletindo sobre esta realidade creio que as marcas do servir, de ser um servo, estão diretamente em olhar para o outro, não para si mesmo: servir e não ser servido, doar-se. Estamos em um tempo em que o EU predomina. Cada um se preocupando consigo mesmo vai deixando pelo caminho a bondade, a benignidade, a misericórdia. Neste texto bíblico, Paulo traz à tona o exemplo de Cristo como servo, modelo a ser seguido por todos nós cujas marcas compartilho a seguir:

1- Ausência da Usurpação: usurpar é desejar o lugar do outro. Um servo está desprovido deste desejo e ao, contrário celebra o crescimento do outro. Lembremos sempre que Lucífer, Adão e Eva seduzidos pela usurpação se perderam e todos nós conhecemos as terríveis consequências que colheram.

2- Esvaziou-se a si mesmo: ausência de gloria pessoal, soberba, autossuficiência. Abrir mão de si mesmo para benefício dos outros.


3- Humilhou-se a si mesmo: não tenho direito de reivindicar nada! Como é tão difícil imitar Jesus! Quantos de nós desejamos nossas medalhas reconhecidas pelos homens e quando isto não acontece nossas reações são tão carnais, desprovidas da imagem de um servo.

4- Obediente: o servo é capaz de obedecer em condições completamente desfavoráveis. Jesus tem pela frente a morte, o calvário. No Getsêmani ele declarou: "Se possível, passa de mim este cálice, todavia não seja feita a minha vontade, mas a tua vontade". Só um servo tem a capacidade desta renúncia.

5- Um servo não espera recompensas: não existe galardão para os servos na terra, e os mesmos têm total consciência disto. Deus é que exalta os servos. Vivemos numa época em que muitos buscam os holofotes. Desejam ser celebridades, enquanto os servos são capazes de sair pela porta dos fundos. A glória sempre é do Senhor.

Concluo afirmando o que Jesus já nos ensinou: "O discípulo não é mais do que o seu mestre, nem o servo mais do que o seu Senhor, mas basta ao discípulo ser igual ao seu mestre e ao servo ser igual ao seu Senhor", Mt 10.24, 25.

Pelos laços do Calvário

 

MAIS LIDAS

A essência do servo
Estamos em um tempo em que o Eu predomina


Substituir um homem de Deus
Aprendemos em Crônicas que o governo é do Senhor e não nosso


Deus e seu amor por nós
Mesmo nesta crise, nesta batalha, diante da sua própria fraqueza, ele não abre mão de você



NOVIDADES
WTV

 FACEBOOK  WTV  NEWS
Centro de Publicações da Igreja Metodista Wesleyana com sede na Avenida Venâncio, 17 - Xerém
- Duque de Caxias - RJ - CEP 25245-500 | CNPJ: 15.732.218/0001-08

© Todos os direitos reservados. 2016